Desporto

ANDEBOL: FC PORTO VENCE CLÁSSICO CONTRA O BENFICA

O FC Porto venceu o SL Benfica por 30-23, em jogo a contar para a 16ª jornada do Campeonato Nacional.

O Futebol Clube do Porto (FCP) começou bem o jogo contra o Sport Lisboa e Benfica (SLB), a vencer por 6-1 nos primeiros 10 minutos. A isto se deveu a eficácia ofensiva do Porto e uma exibição de gala do seu guarda-redes, Hugo Laurentino.

O resto da primeira parte prosseguiu nos mesmos moldes com os “dragões” a marcarem vários golos por cada um do Benfica, com o resultado a chegar aos 13-4.  Paulo Moreno foi dos mais inconformados dos encarnados e assinou dois golos durante este período, enquanto que do lado do Porto António Areia se destacou com remates eficazes pelo lado direito.

Na fase final da primeira parte, o Benfica conseguiu ganhar um ascendente exibicional que resultou em 5 golos seguidos. O Porto respondeu ainda com um golo e o jogo foi para intervalo com o marcador em 15-9.

Segunda parte de alta intensidade 

Com o regresso das equipas para a segunda parte, o Benfica entrou melhor, com os encarnados a reduzirem a diferença para 15-11. Os “dragões” responderam com prontidão e o ritmo do jogo aumentou.

As duas equipas estavam em alta rotação entre defesa e ataque, com o Porto a ter sempre uma ligeira superioridade. Na marca dos 10 minutos da 2ª parte, o resultado encontrava-se 21-14.

Foto: Rui Costa
Foto: Rui Costa

No segundo terço da 2ª parte, o Benfica não conseguiu estar a menos de 6 golos de diferença da equipa da casa.A capacidade matadora de Miguel Martins e Yoel Morales permitiram abrir o marcador a favor dos “dragões”.

Com a chegada dos 10 minutos finais, a partida já se encontrava 27-20. Angel Hernandez foi desqualificado do lado do FCP, devido à acumulação de exclusões e o Benfica aproveitou para assinalar mais três tentos. A equipa azul e branca respondeu na mesma moeda. O jogo terminou com um resultado de 30-23 e confirmou a vitória dos “dragões” no clássico.

Conferência a dois

Depois da partida, os treinadores de Porto e Benfica deram uma conferência de imprensa conjunta. O primeiro a falar foi o técnico dos encarnados, Carlos Resende, que destacou o “início forte do Porto que nos obrigou a ir atrás do resultado” como fator decisivo na derrota da sua equipa. Em declarações ao JUP, o treinador do Benfica disse que para recuperar as forças anímicas da sua equipa “é preciso ganhar. Nada mais”.

Foto: Rui Costa
Foto: Rui Costa

Já Lars Whalter, treinador do Porto, realçou a preparação para lidar com “a defesa em 4-2 do Benfica, pois foi para isso que nós treinamos.”. Questionado pelo JUP sobre como lidou com um melhor período do Benfica no jogo, o técnico azul e branco revelou que “pensamos o jogo em blocos de 10 minutose e trabalhamos para estar a ganhar no final desses blocos”.

Foto: Rui Costa
Foto: Rui Costa

As duas equipas voltam a competir na próxima quarta-feira, com jogos a contar para a 17ª jornada do Campeonato Nacional de Andebol. O FC Porto vai ao terreno do São Bernardo, enquanto o SL Benfica recebe o Avanca.